19.12.10

34

 

 

A Carla passou pelo hotel para me levar, a Antonella tinha pedido que fossemos juntas, até para que fosse possível eu ser apresentada a todos dos quais eu não conhecia.
Aquilo era completamente novo para mim, ainda nem era uma estrela, nem lá perto e no entanto passamos pela passadeira vermelha, tiramos milhares de fotos e passamos por um monte de jornalistas com mil e uma perguntas ais quais não íamos responder para já.
Mal entrei fomos logo ter com a Antonella que estava o glamour em pessoa e que irradiou um brilho de orgulho no olhar assim que viu o quanto magnificas estávamos.
-Bueno trabajo Carla, muy guapísima Jane.
-Gracias! – disse esboçando um sorriso um pouco forçado, não queria estar ali e ainda tinha um nó entalado na garganta por ela não ter confiado nos meus gostos. Isso só demonstrava desconfiança da parte dela em eu “ser ou não ser” capaz de criar o look perfeito para mim.
Lá fomos “viajando pela sala” onde a única coisa que captava a minha atenção era a magnifica decoração da sala. Mas tinha que me concentrar, pois a Antonella e a Carla apresentavam-me a alguém novo de 3 em 3 minutos.
E depois de conhecer, os designers da marca, o director da marca, os colaboradores e os clientes espanhóis mais conceituados, já estava farta de ter de sorrir para todos e responder a todas as perguntas iguais 20 vezes.
Reparei que existiam placares nas paredes cobertos por panos de chiffon preto, onde estavam estampadas as siglas D&G, no centro em branco.
-Carla aquilo faz parte da decoração? – perguntei apontando ligeiramente para os placares sem dar muito nas vistas. Não queria pôr tudo a olhar para mim outra vez.
-Ah aquilo? Aquilo são as fotos do photoshoot para a marca.
-Ah bom, mas não era suposto estarem descobertas.
-Ah sim, mas só daqui a um ratito.
Alguns minutos depois a Antonella veio buscar-me para me apresentar oficialmente a todos. Subimos a um pequeno palco no centro da sala o que me deixou um quanto nervosa. Odiava estar ali e nem sabia o que dizer.
-Buenas noches caros presentes. Como saben la D&G esta asociada a un nuevo proyecto que consiste en ayudar jóvenes designers en sus primeras colecciones. E la D&G encontró una nueva designer con ideas fantásticas, por eso hoy nos quedamos aquí también, para vos presentar la joven.  –disse passando o olhar pela plateia e olhou para mim sorrindo no fim das frases proferidas.
-Esa es Jane, viene desde Portugal e va a criar su primera coleccione con nosotros. – finalizou.
Sorri para a plateia e todos aplaudiram. –Muchas gracias por esta oportunidad. – disse no meu sotaque espanhol mais aperfeiçoado possível e saímos ambas do palco.
A Antonella referiu que me portei muito bem e que agora podia-me ir divertir, mas que com moderação e que respondesse a todas as perguntas que fossem colocadas pelos presentes na festa.
Afastei-me um pouco mais para o lado e procurei um espacinho mais vazio e reservado à parte. Não queria ser chateada, queria que acabasse rápido, e queria sair dali. Queria apanhar o próximo avião para Lisboa e estar com o Pablo.
Deliciei-me com um pouco de champanhe com uns bombons que as empregadas fartavam-se de distribuir.
-¿Entonces que eres la joven designer que D&G va ayudar? – ouvi alguém dizer atrás de mim quando tentava encher o copo com mais um pouco de champanhe.
Tentei forçar um sorriso original antes de me virar, e quando me virei para dizer que sim, o copo do champanhe quase me caiu das mãos. E até eu que era uma pessoa super versátil que conseguia reagir a tudo na hora, congelei e fiquei sem saber o que dizer. Tinha o Lionel Messi à minha frente e não soube reagir.
-¿Que pasa? ¿Tengo algo en la cara? – perguntou com um sorriso tímido no rosto, tentando quebrar o meu silencio.
-No, deus mio, No. Perdóname, solamente no estaba esperando ver una persona como tu aquí.
Ele riu. -¿Que no sabes quien es la cara de la campaña man D&G?
Respondi-lhe o mais segura de mim mesma, claro que eu sabia a resposta. -Claro que se… Eres un yogador de Barcel… - e fez-se o clique na mina cabeça, eu sabia que era um jogador do Barcelona, mas não fazia ideia que era ele. –¿Eres tu?¿Tu eres el yojador del Barça que representa la nueva campaña man de D&G?
-Sí. – respondeu-me docemente.
-Hmm, que bueno entonces. – disse desviando o olhar dele e dando um gole no meu copo.
Depois de alguns minutos à conversa percebi o quão tímido ele era, e eu que achava o Pablo temidíssimo, este ainda era pior. Era coisa de Argentinos só podia. E também fiquei a perceber que ele, como eu, não queria estar ali.
E quando nos apercebemos, os cartazes foram destapados, e o Messi foi chamado ao palco para falar um pouco da experiência. Via-se na cara dele o quão inconfortável ele estava por estar em cima daquele palco. Aquilo não era coisa dele, o campo de futebol a que era. Uma coisa era certa a fotos tinham ficado magnificas. E ele até que se safava bem como modelo, mesmo sendo pequenino. Depois de umas pequenas palavras e uns quantos aplausos, lá desimpediram o palco de novo para a festa continuar. Eu estava mesmo disposta a ir-me embora, mas tinha que esperar pela Carla ou ia a pé e dali até ao hotel ainda era um percurso o quanto grande para eu ir a pé e com uns saltos enormes. O Lionel voltou a fazer-me companhia depois de todos perderem a atenção dele.
-¿Entonces como me sali? – perguntou coçando a cabeça.
-Muy bien, para quien no quería estar allí.
-¿Qué reparaste neso? – perguntou-me preocupado.
-Si, pero no te preocupes, pienso que solamente yo pude ver eso. Yo también no quiero estar aquí.
-Porque? Pensé que fueses de la moda de quien tu gustases.
-Sí… A mí me gusta hacer moda, crear algo para las personas vestiré e gustaren. Esto no eres para mi, fiestas con toda la yente famosa. No eres mi territorio.  E sinceramente no lo contaba quedar-me aquí este fin-de-semana, tenia cosas combinadas y tibe que quebrar mis promesas para estar aquí.
-¿Entonces porque no te vas? Ya fizaste tu parte aquí.
-Porque no tengo como me ir. Tengo que quedar-me aquí e esperar por Carla. – disse apontando para quem era e expliquei-lhe porque.
A nossa conversa ia sendo interrompida por algumas pessoas que queriam um autografo do Messi a todo o custo.
-Mira que yo te llevo a casa. – disse-me depois de dar mais um autógrafo.
-Oh yo no quiero te dar trabajo, yo esperó. Quien espero 2 horas, espera más un ratito no?
-¿Que trabajo? No yo te llevo. Y que yo también mi quiero volver a casita.
Ri-me, sorri-lhe e agradeci. Segui-o discretamente para fora onde me levou até ao seu carro. Nem sei como escapamos aos jornalistas e fotógrafos, mas ele lá conseguiu, eu só o segui.
-¿Y donde te quedas?  - perguntou assim que ligou o carro.
Disse-lhe em que hotel era, e seguimos a nossa viagem, até porque ainda tinha pelo menos uma viagem de 10 minutos de carro até ao hotel.
-En la fiesta dicieste que no querías quedarte aquí en el fin-de-semana… ¿Para donde querías ir?
Olhei-o. – Perdóname, no me quería meter en tu vida… - disse-me visivelmente envergonhado pela pergunta que tinha feito.
-No que esta tudo bichem, puedes perguntar lo que quisieres. Yo queria volver a Portugal, eres adelante que yo tengo mi vida, mi familia, mi clube, mi novio… Todo. 
 
-¿Portugal? Que pasabas bien por hispánica. – soltou um sorriso completamente adorável. –Y yo que tina esperanzas que tu club fuese Barcelona. – riu.
-No, que mi clube de coración eres Benfica… Pero, a toda la yente les gusta el campeonato español… Y yo sinceramente, prefiro el Barça a Real. – disse-lhe sorrindo e piscando-lhe o olho.
-Ahhhhh así me gusta.
-Pero…. – disse mas ele interrompeu-me.
-¿Pero qué? Barça eres lo mejor.
-Sí. Yo no lo hay dijo que no. Pero… Me gusta una cosa en Real…
-¿Que eres?- perguntou hesitante. – ¿No lo me digas que eres Cristiano Ronaldo? – disse rindo.
-DIOS MIO NO! – disse em completa negação. E ele olhou-me seriamente. –A mi no me gusta nada lo Ronaldo. Lo odeo por completo. Que eres mucho arrogante. No me gusta. Nadie. – e ele voltou a rir.
-La única cosa que me gusta en Real eres Angelito Di Maria. – e os meus olhos devem ter brilhado quando disse o nome dele. – Tengo tanta saudad de coando el yugava en el Benfica. Sentimos su falta. Pero la vida futbolista eres así e tenemos que seguir adelante.

Ele sorriu, também ele gostava de Di Maria e sabia que um dia ele ia chegar longe.
Chegamos finalmente a entrada do hotel, e ele parou o carro mas a nossa conversa não.

-¿Y tu novio... Eres jugador? – perguntou a medo, pois sabia que poderia estar a meter-se demais na mina vida.
Ri-me. –Hacemos así… Yo te digo que el eres jugador, juega en mi clube de corazón… que eres Argertino… - e aí ele desviou o olhar da estrada e cruzou o meu. –Que lo conoces… Y tu lo adivinas.
Abri a porta e preparei-me para sair. Ele continuava estático a olhar para mim à espera de uma resposta. Sorri. – Messi, eres tu ídolo! – disse-lhe saindo do carro.
-Gracias por la compañia e por me trazeres aqui.
-¿Pablo Aimar? – perguntou atónito assim que fechei a porta do carro.
Sorri-lhe, esbocei um doce e apaixonado sorriso e acenei um adeus. –Que Barca vença el campeonato! – disse-lhe pelo vidro aberto e segui na direcção da entrado do hotel. Esbocei um sorriso para mim própria e vi o carro dele arrancar segundos depois.

tags:
sinto-me: : D
música: ...
link do postPor pablitoaimar, às 20:01  comentar

De Pipa a 19 de Dezembro de 2010 às 21:19
Ai Messi ,Messi :P
Lindo minha querida :)
Tenho imenssas saudades tuas
Beijinho

De Annie a 19 de Dezembro de 2010 às 22:18
Descobri esta tua história maravilhosa há pouquíssimo tempo, numa noite li os capítulos todos e mal podia esperar por este. Como sempre está perfeito.
Continua
Beijinhos de uma leitora assídua

De sofiarc ॐ a 19 de Dezembro de 2010 às 22:19
fantástico, Jane! este capítulo está fantástico +.+
espero pelo próximo capítulo.
beijinho :)

De Bianca a 20 de Dezembro de 2010 às 14:22
Bem , ali o menino Messi esticou-se xD
Muito bom !!
Continua, Jane ^^
Beijãooo (L)
=D

De Filippa a 20 de Dezembro de 2010 às 20:44
amei como sempre :D

De Solange a 21 de Dezembro de 2010 às 11:09
Muito bom. Surpreendeste-me. Do Messi é que eu não estava à espera :D

Parabéns

De Rita (miscarúúú) a 22 de Dezembro de 2010 às 00:31
Ah o Messi... nao estava a espera, eu sei lá, talvez do David Villa ou do Piqué (ai o Piqué, meu deus!!!)

Muito bem, Eu também acho que a timides deve ser coisa de argentino xD

mais sobre mim
●▲■▼
chat
ⓐⓘⓜⓐⓡ
Image and video hosting by TinyPic
Image and video hosting by TinyPic
Image and video hosting by TinyPic
Image and video hosting by TinyPic
Image and video hosting by TinyPic