13.2.11

 

 

Já tens um lugar na história deste clube! *-*

 


 

 

-Ahhh que Bueno! – disse a Romanella levantando-se logo para nos felicitar e assim fizeram também os restantes.
O resto do jantar decorreu as mil maravilhas... Queria muito estar com a Sara, mas não ia dormir em casa hoje. E no fundo eu sabia que a maior parte das minhas noites seriam a dormir em caso do Pablo, era como se fosse a minha casa, apesar de eu não estar completamente mudada para lá.
Nessa noite aproveitei para por as conversas em dia com as meninas, e fiquei triste por perceber que o David ia embora. A Pipa estava de rastos, mas ela sabia que no fundo era o melhor para ele. Não é que fosse acabar com o que existe entre eles, mas ela tinha que ficar cá. Tinha um curso para acabar e não podia largar tudo e ir com ele. Não agora. Mas eu sabia o quanto o David a amava e não era a distância que ia mudar isso.
Aproveitei para me despedir dele e desejar-lhe o melhor que ele pudesse receber. Era sempre triste ver alguém que nos era querido, que pertencia ao nosso clube do coração partir. Sempre foi. E em nós ficam sempre as lembranças dos bons momentos que eles nos proporcionaram e a esperança de que um dia, vão voltar. Mas jovens como o David, merecem conhecer o outro lado do futebol. Nas grandes ligas dos tubarões e nas competições de maior gabarito.
Além disso qualquer coisa e eu e as meninas estaríamos lá para apoiar a Pipa no que fosse preciso.
Esta saída do David levava-me a pensar no que seria do Pablo. Eu sabia que ele ainda tinha um ano e meio de contracto com o Benfica, mas e depois?
Ele não era propriamente “novo” no que toca a idades futebolísticas, e isso preocupava-me. Por um lado gostava que ele terminasse a carreira no Benfica, mas isso iria depender dele e do próprio clube.
A ideia de não saber o que o futuro lhe reservava deixava-me inquietante. Mas tinha que esquecer isso. Não podia andar um ano e meio a especular na minha cabeça sobre isso ou ia dar em doida. Quando chegar o momento eu terei que saber lidar com ele.
Mas algo que ninguém tirava de mim nem dos adeptos era o legado de recordações e momentos que ele nos vais deixar um dia. E o carinho e apoio que ele levará de nós.

Nessa noite ambos adormecemos com um sorriso puro no rosto. Os seus braços envolveram o meu corpo e adormecei com os seus pequenos beijos no meu ombro e pescoço e com o bater do seu coração nas minhas costas.
(…)
Ultimamente o Benfica andava forte e jogar quase tão bem como na época passada, mas isso não bastava para que eles chegassem a algum lado. O Futebol Clube do Porto tinha que perder pontos para podermos chegar a algum lado. Eu odiava aquela equipa e não por ser Benfiquista mas sim pela forma como eles usavam as pessoas e os meios para atingir os fins. Aquela equipa era envolta em corrupção. E só conseguia ganhar alguma coisa, miseravelmente, quando eram “levados ao colo”. O meu “sonho” era literalmente, meter uma bomba naquele estádio, espetar uma facada aquele presidente, torturar o Falcão e partir uma perna ao Hulk. Só para terem uma pequena noção do quanto eu odiava aquele clube.
Já o meu Benfica não perdia a 15 jogos consecutivos e íamos ter um jogo difícil para a liga. O S.L.Benfica – Vitória de Setúbal. Obvio que eu e as meninas combinamos ir ver, e ia ser fantástico como sempre.
Agora o meu trabalho era outro… Ou seja procurar trabalho! Vida de designer sem sócios é foda! Das duas uma, ou teria que arranjar outro trabalho do género do que tinha feito com o s.l.b ou teria que arranjar um sócio. Até porque os meios e recursos para começar a elaborar outra colecção minha eu tinha, porque a ultima tinha feito furor, mas faltava-me alguém que me lançasse, que tratasse de tudo o que tem de ser tratado em paralelo com a apresentação de uma colecção. Na D&G eu tinha isso, mas sozinha sem sócio não tenho nada. Nicles, zero!
(…)
Os primeiros dois meses de gravidez passaram regularmente bem. Os enjoos pararam finalmente e podia continuar a viver o inicio desta nova etapa da vida. Era estupidamente engraçado ver-me a mim e ao Pablo falar carinhosamente para a minha barriga como se o pequeno ser que florescia dentro de mim nos fosse responder.
Os pais do Pablo ficaram encantados quando souberam e os meus… Bem… digamos que quase tinham um avc colectivo porque foram apanhados de surpresa, mas no fim, a felicidade estampada nos seus rostos, valeu a pena.
E muito sinceramente eu parecia uma mãe estérica na minha primeira eco grafia, especialmente para ver uma coisa que mal se via e da qual eu não percebia nada. Estava num ambiente hostil que não era o meu. Mas existe uma primeira vez para tudo. Com o Pablo não se passava absolutamente nada. Ele sabia tudo o que se estava a passar, e isso relaxou-me.
E o facto de ele conseguir olhar para a eco grafia e saber o que estava lá quando eu não conseguia ver nada para alem de um monte de manchas, fazia-me sorrir ternamente.
-Mira que es nuestro pequeño.
Sorri-lhe. –Que no entiendo como puedes ver algo nessa miniatura, pero sí que eres nuestro pequeño. – disse-lhe apertando a sua mão na minha.
-¿Como se vá a llamar?  - perguntou-me dando-me um pequeño beijo na face.
-¿Pablito Junior? – ri-me e roubei-lhe um beijo terno nos lábios.

 

 

tags:
sinto-me: com dores -.-''
música: muse - the resistance
link do postPor pablitoaimar, às 23:29  comentar

De Pipa a 13 de Fevereiro de 2011 às 23:48
ai meu amor ta lindo e pequenino.
Nem vale a pena dizer que a primeira parte me fez chorar e ficar lavada em lágrimas.


Pablito Junior :P
A mi me gusta


beijão!Te adoro garota

De Entreamigas a 14 de Fevereiro de 2011 às 00:00
" E só conseguia ganhar alguma coisa, miseravelmente, quando eram “levados ao colo”. O meu “sonho” era literalmente, meter uma bomba naquele estádio, espetar uma facada aquele presidente, torturar o Falcão e partir uma perna ao Hulk ." - Amei este desabafo ... Mt verdadeiro... Aquele clube é uma vergonha para o nosso país...
Qt ao resto do cap . . Adorei, esta mt fofinho e adoro a jane a dizer que o bebé se vai chamar pablito junior. . O cap . esta msm mt bom...
Ahh ... e a menina pipa precisa msm de apoio... essa menina é um doce :P

Bjs

Clara

De Mila a 14 de Fevereiro de 2011 às 10:42
Sólo tengo una palabra .... Me encantó

De Bianca a 15 de Fevereiro de 2011 às 01:52
Todo este capítulo está perfeito!! Desde a parte em que falas do nosso Benfica até á ecografia...Opáh está lindo!!
És que yo, me emocionado con tus palavras, tu escribes tan bién, mujer, que yo amo!! :D
Continua!
Beijo (L)

mais sobre mim